FANDOM


Este artigo foi escrito utilizando a ortografia vigente no século XIX

Comarca da Capital, São Paulo

Comarca
Captura de Tela 2019-01-17 às 20.59.32

Comarca da Capital SP
Bandeira Brasão
Appelidos: Comarca da Capital; Capital; Grande São Paulo
Miami-Dade County, Florida

Location within the United States

País
680px-Flag of Brazil (1822–1870).svg
Brasil
Província São Paulo
Região Grande São Paulo
Área metropolitana Grande São Paulo
Fundada em 3 de outubro de 1834
Named for Cidade de São Paulo
Sede São Paulo
Maior cidade São Paulo
Municípios incorporados 33
Governo
 • Corpo Conselho de São Paulo
 • Conselho de Santos Marco Aurélio

Márcio Melo Gomes

Alberto Mourão

Pedro Gouvêa

Valter Suman

Caio Arias Matheus

Felipe Augusto

Aguilar Junior

Marcio Batista Tenório

 • Prefeito João Dória
Área
 • Total 2,431.178 sq mi (6,296.72 km2)
 • Terra 1,898.753 sq mi (4,917.75 km2)
 • Água 532.425 sq mi (1,378.97 km2)
Maior elevação 34-40 ft (22 m)
Menor elevação 0 m
População

(Censo de 2010)

 • Total 2,498,018
 • Estimativa

(2017)

2,751,796
 • Densidade 1,000/sq mi (400/km2)
Fuso horário UTC−3
• Verão (DST) UTC−2
CEP 11740-00011300-000 a 11399-999
Código de área 011
Aeroportos primários Aeroporto Internacional de São Paulo (Guarulhos)
Aeroportos secundários Aeroporto de Congonhas (São Paulo)
Estradas federais BR-050; BR-374; BR-116; BR-381
Estradas provinciais SP-021; SP-214; SP- 228; SP-234; SP-270; SP-332; SP-348
Metropolitano Metrorail
Linhas férreas
Website www.miamidade.gov

A Comarca da Capital de São Paulo (Contea della Capitale, em italiano), é uma comarca brazileira em São Paulo. Foi instituhida pela Lei Provincial nº 537, de 8 de janeiro de 1905, que instituiu também na Província as Regiões, e os Districtos.

He dividida em nove municipios, com uma area de 2.350,1km², equivalente a 25,27% do território da Região da Serra do Mar, a 0,95% da Província, e a 0,03% do território do Imperio. Sua Capital he o Municipio de São Paulo, também Capital da Região da Serra do Mar, e da Provincia.

He uma das 63 divisões sub-regionais da Provincia de São Paulo de Piratininga, e uma das 7 da Região. Tem, por limite, os Districtos de Franco da Rocha, a norte, Guarulhos, a Nordeste, Itapecerica da Serra, a oeste, Mogi das Cruzes, a leste, Osasco, a noroeste, e Santos, a sudeste.

Geographia physica Editar

O território da Metrópole de São Paulo situa-se na Serra do Mar centro-ocidental, no trecho de alta altitude logo acima da Baixada Santista, entre os rios Juquery, a norte, e Itanhaem, e Tietê, a sul. O seu território é cortado, também, pelos rios Guarapiranga, Jurubatuba, Pinheiros, Tamanduatehy, além do Ribeirão dos Meninos, que corta o Municipio de Santo André.

A Metrópole possui trez represas, a Billings, a Guarapiranga, e o Reservatório Rio das Pedras. O systema hydrico da Metrópole he interligado. O rio Jurubatuba nasce em Embu-Guaçu, no Districto de Itapecerica da Serra, e logo deságua na represa homônima. Na altura do bairro do Socorro, na Capital, o rio continua, e deságua do rio Pinheiros. A represa Billings é continuação do Reservatório Rios das Pedras, no Municipio de São Bernardo do Campo. Na altura de Interlagos, nasce, da represa, o rio Pinheiros, que atravessa a Capital, de sul a norte, até desembocar no rio Tiete, no bairro de Villa D. Leopoldina.

O Tamanduatehy tem sua nascente na cidade de Mauá, atravessando a cidade de leste a oeste, passa pela cidade de São Caetano do Sul, e depois pela Capital; desagua no Tiete no Centro de São Paulo, no bairro do Bom Retiro. O rio Tiete atravessa a Metrópole de leste a oeste.

Sociedade Editar

Ethnia e imigração Editar

São Paulo é a cidade mais multicultural do Brasil e uma das mais diversas do mundo. Desde 1870, aproximadamente 2,3 milhões de imigrantes chegaram ao estado, vindos de todas as partes do mundo. Atualmente, é a cidade com as maiores populações de origens étnicas italiana, portuguesa, japonesa, espanhola, libanesa e árabe fora de seus países respectivos, e com o maior contigente de nordestinos fora do Nordeste. No censo de 2010, da população total, 60,63% eram brancos, 30,63% pardos, 6,37% pretos, e 2,34% amarelos (asiáticos e indígenas), além de 0,03%sem declaração.

Religião Editar

Estima-se que, da população total da comarca, 54,04% são catholicos apostolicos romanos, 20,7% protestantes, 4,3% espiritas, 0,81% testemunhas de Jeova, 0,61% budistas, 0,42% umbandistas, 0,35% judeos, e os outros 19,38% de outras religiões.

Municipios Editar

  • Arujá
  • Baruery
  • Caieiras
  • Cajamar
  • Cutia
  • Diadema
  • Embu das Artes
  • Embu Guassú
  • Ferraz de Vasconcelos
  • Francisco Morato
  • Franco da Rocha
  • Guarulhos
  • Itapecerica
  • Itapevi
  • Itaquaquecetuba
  • Jandira
  • Juquery
  • Mauá
  • Osasco
  • Parnahyba
  • Pirapora do Bom Jesus
  • Poá
  • Ribeirão Pires
  • Santo Amaro
  • Santo André da Borda do Campo
  • São Bernardo do Campo
  • São Caetano
  • São Lourenço da Serra
  • São Paulo
  • São Sebastião do Rio Grande da Serra
  • Suzano
  • Taboão da Serra
  • Vargem Grande

Municipios mais populosos Editar

Pos. Brasão Municipio População
 

(hab)

Superficie
 

(km²)

Densidade
 

(hab/km²)

Altitude
 

(m s.l.m.)

São Paulo 7:768:712 738,01 10:526,57 760
Santo Amaro 4:338:208 783,1 5:539,79 785
Guarulhos 1:349:113 318,014 4:242,31 759
São Bernardo do Campo 827:437 406,18 2:037,12 732
Santo André da Borda do Campo 715:231 174,84 4:090,77 760
Osasco 697:889 64,935 10:747,5 740
Mauá 462:005 62,239 7:423,08 850
Diadema 417:869 30,796 13:568,94 780
Itaquaquecetuba 360:657 82,622 4:365,14 790
10º Suzano 290:769 206,236 1:409,88 749
11º Taboão da Serra 279:634 20,478 13:655,34 747
12º Baruery 267:534 65,701 4:071,99 715
13º Embu das Artes 267:054 70,079 3:810,76 775
14º Cutia 237:750 323,9 743,02 853
15º Itapevi 229:502 82,659 2:776,49 741
16º Ferraz de Vasconcelos 188:868 30,071 6:280,74 760
17º Francisco Morato 171:602 49,164 2.551,88 812
18º Itapecerica 170:927 151,458 3:490,4 920
19º São Caetano 159:608 15,331 10:410,8 760
20º Franco da Rocha 149:502 133,931 1:116,26 740
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.