História alternativa Wiki
Advertisement
Liberais
Líder Leonardo Crive (desde 2018)
Secretário-geral Álvaro Mercantino (desde 2022)
Fundado em 1 de fevereiro de 1949
Sede Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
Publicação Menos Estado e mais liberdade!
Ala juvenil Juventude Liberal
Membros  (2023) Baixa 842,294
Ideologia Liberalismo clássico
Liberalismo Econômico
Federalismo
Minarquismo
facções:
Libertarianismo
Liberalismo Conservador
Espectro político Direita
Cores      Verde petróleo
Governadores Federais
0 / 28
Parlamentares
7 / 513
Parlamentares regionais
55 / 1 030
Parlamento Americano
2 / 120
Prefeitos
63 / 1 632

Os Liberais (LIB), anteriormente chamado de Partido Liberal (PL) é um partido político brasileiro de cunho liberal, fundado em 1949 por ex-membros do Partido Liberal (PL). Atualmente, o partido tem cerca de 800,000 membros. É liderado desde 2018 por Leonardo Crive, e tem como ideias bases o liberalismo clássico, possuindo o slogan ''Menos Estado, e mais Liberdade''.

O PL estreou pela primeira vez nas eleições de 1952, quando conseguiu eleger 10 parlamentares. Ampliou ainda mais nas eleições seguintes em 1956 quando ganhou mais 22 assentos, sendo até hoje o melhor resultado liberal em todas as eleições que participou em seguida. Por conta do fortalecimento do liberalismo social graças as políticas do governo PSD e PSDB, a pautas do liberalismo clássico tem sido reduzido e pouco apoiado por amplos setores sociais do eleitorado.

O LIB se diz anti-socialista e anti-autoritarismo e populismo, inclusive, alguns membros do partido criticaram medidas feitas pelo PC e PIBR devido seus discursos e alegações ''populistas''. De acordo com uma pesquisa do Instuitão em 2018, o LIB possui um 40% eleitorado considerado de classe alta e rico votariam no LIB nas eleições de 2019. Desde as eleições de 2023, o partido possui 7 parlamentares, sendo a terceira menor bancada do Parlamento Nacional e faz coalizão com o UD, PSD e PC, no qual formão a Coalizão Brasil.

Advertisement