História alternativa Wiki
Advertisement
República de Venezuela
Linha do tempo: Kaiserreich
Flag of Venezuela (1930–2006) Coat of arms of Venezuela (1954-2006)
Bandeira Brasão
Capital
(e cidade mais populosa)
Caracas
Línguas oficiais Espanhol
Grupos étnicos  Brancos (50%)
Pardos (44%)
Negros (5%)
Outros (1%)
Governo República Parlamentarista Unitária
 -  Primeiro-Ministro Julio Borges
 -  Presidente Juan Guiadó
Estabelecimento
 -  Independência sobre Espanha 5 de julho de 1811 
 -  Reconhecimento Mundial 30 de março de 1845 
População
 -  2020 (estimativa) 37 milhões 
PIB (nominal) 2020 (estimativa)
 -  Total 802 bilhões 
 -  Per capita US$ 16,482 
Moeda Bolívar

Venezuela, oficialmente República da Venezuela é um país da América localizado na parte norte da América do Sul, cujo faz parte da América Andina. Suas fronteiras são delimitadas a norte com o Mar do Caribe, a oeste com a Colômbia, ao sul com o Brasil e ao leste com a Guiana, país esse que possui disputas territoriais. Sua população é estimada em 37,230,200 (estimativa em 2020), possui sua capital e maior cidade, Caracas.

A Venezuela foi colonizado pelo Império Espanhol em 1522. Em 1811, tornou-se uma das primeiras colônias hispano-americana a declarar a independência, mas que apenas foi consolidada em 1830, quando a Venezuela deixou de ser um departamento da Grã-Colômbia. Durante o século XIX, o país sofreu com instabilidade política e autocracia, dominado por caudilhos regionais até meados do século XX. A partir do golpe de 1933, a Venezuela torna-se numa democracia relativamente forte em comparação as seus vizinhos latinos-americanos. A partir dos anos 50, a Venezuela começou a investir na produção de petróleo, que logo depois tornou-se o país com mais reservas de petróleo no mundo. Por décadas o país tornou-se um ponto turísticos para investidores, tendo uma forte economia prospera e tendo o maior IDH e PIB per capita da América Latina. Com a crise de 1999, o país esteve em um grande choque que levou na crise do país que percorreu por quase 4 anos, graças as políticas feitas para reduzir a crise.

A Venezuela é um dos países mais estáveis e prósperos da América do Sul detendo, ainda, o melhor Índice de desenvolvimento humano dentro do contexto da América Latina. O país também possui bons níveis de qualidade de vida, estabilidade política e liberdade econômica, além de índices comparativamente baixos de pobreza. Também é elevado no país o nível de liberdade de imprensa e de desenvolvimento democrático. A Venezuela também é visto como uma economia fortemente estável, com quase nenhuma crise interna pelo país por décadas. Recebe aproximadamente mais de 200,000 imigrantes por ano, sendo grande parte investidores americanos e europeus.

Advertisement